Cada um de nós gera aproximadamente 270 kg de resíduos anualmente. Levando em conta as projeções da ONU, até 2050 produziremos 2,6 bilhões de toneladas por ano.


O problema é que, nas nações desenvolvidas, menos de 30% dos materiais é reinserido na cadeia produtiva. Nos países em desenvolvimento, como o Brasil, esse número é ainda mais preocupante: apenas 4% dos resíduos voltam para as indústrias, e mais de 93% de todo o descarte vai para os aterros e lixões.


Isso não só gera impactos ambientais gravíssimos, que ameaçam a vida na Terra, como também desequilíbrios econômicos, causados pelo desperdício de matérias-primas cada vez mais escassas.

A CICLA surgiu para difundir formas mais eficientes de diminuir a geração de resíduos e aumentar as taxas de reciclagem. Fazemos isso a partir de uma abordagem holística, que integra soluções e atores, e maximiza o valor financeiro dos resíduos dentro da cadeia de produção.


Temos o propósito de resolver o problema da reciclagem não só Brasil, mas também no mundo – um desafio grandioso, porém necessário. Não se trata de sonhar, mas de perseguir o que é indispensável para a sobrevivência do planeta Terra.